quarta-feira, 15 de maio de 2013

Escolinha - a primeira tentativa

Colocamos o João na escolinha em fevereiro de 2013, com 1 ano e 9 meses.
Na primeira semana de aula ele já ficou gripado. Não dei muita importância pois sabia que isso iria acontecer e que devíamos ter paciência neste primeiro ano.
Ao conversar com a pediatra, ela me deu uma estimativa de 1 gripe por mês, um total de 8 gripes, se tirarmos os meses de férias e considerarmos que entre uma gripe e outra teríamos uma semana sem gripe. Não eram as expectativas mais animadoras do mundo, mas resolvemos tentar pois achamos que seria bom para o João conviver com outras crianças e aprender coisas diferentes.
Foram 3 meses de escolinha, 4 gripes e uma sinusite.
O João sempre foi uma criança difícil de comer, com o nariz entupido e tomando remédio então, a situação virou um caos. E isso acabou contribuindo com a falta de ganho de peso.
A sinusite foi o que nos levou ao pronto-socorro após cinco dias seguidos de febre. E foi por causa dela que ele tomou o primeiro antibiótico fora o período das cirurgias.
E foi esse antibiótico, muito provavelmente, a causa de uma internação de 7 dias por infecção intestinal, que eu comentarei mais detalhadamente na próxima postagem.
A conclusão, após todo ocorrido ao longo dos 3 meses iniciais, foi de que ainda não é a hora de colocar o João na escolinha, simplesmente porque o preço que ele pagou foi muito alto, por um retorno que, neste começo, não faz muita diferença no desenvolvimento dele, e muito menos na sua felicidade, que no final, é o que importa.
Ficamos tristes por ter que tomar esta decisão, mas estamos fazendo isso seguros de que é o melhor para o bem estar e saúde do nosso filho.

Um comentário:

  1. Oi Claudia. Tambem tenho um filho com dh. Pode me passar teu email para conversarmos? O meu eh braga_carolina@hotmail.com beijo carolina

    ResponderExcluir